15 de abr de 2009

Ainda sobre os sistemas de escrita

O trabalho que estamos desenvolvendo objetiva:
-levar os alunos a compreender como os seres humanos construíram o sistema de escrita que usamos atualmente;
-vivenciar experiência que nossos antepassados experimentaram na criação dos sistemas de escrita;
-compreender a necessidade e a função de registro da escrita.
Já citamos aqui a sugestão de leitura do livro da Lia Zatz (Aventura da Escrita: A história do desenho que virou letra) como ponto de partida para levantamento das reflexões com os alunos.
Num outro momento a sugestão é a Roda de Conversa sobre a necessidade de aprender a ler e escrever.
- Por que todas as crianças precisam ir a escola?
- Porque precisamos aprender a ler e escrever?
- Será que os seres humanos sempre leram e escreveram?
São algumas questões que podem ser levantadas na Roda. As respostas são as mais variadas e esperadas, já que as crianças costumam repetir argumentos que elas ouvem, geralmente dos pais e familiares. Ainda assim muitos argumentos são surpreendentes e próprios do universo infantil.



O filme Mesopotâmia: de nômades a agricultores, que nos foi repassado pela professora Rosiane, é um recurso bem interessante para ampliar a discussão. Procurei no yotube, não localizei, mas ficamos sabendo que faz parte de uma série de DVDs que o MEC repassou para as escolas.
Trata-se de uma narrativa sobre as invenções do povo sumério, abordando principalmente a forma criada por eles para desenvolver um sistema de escrita, no caso, a escrita cuneiforme.
Sugestões de atividades:
- Brincando de escrever como os povos sumérios usando tabuinhas de argila ou massinha e estilete; (No filme a criança tem a oportunidade de ver como os sumérios escreviam e como eles manipulavam esses objetos)
- Inventando símbolos para escrever;
- Leitura de textos enigmáticos; - Leitura de símbolos que circulam em nossa sociedade;
-Analisando imagens, entre outras.


Assistimos o DVD na casa de uma aluna que mora próximo a escola.

3 comentários:

Profª. Daniela G. Oliveira disse...

Oi! Adoro as novidades do teu blog, sempre passo aqui para conferi-lás!
Passa lá no meu, tem um selinho pra vc...
Beijão! Dani

rociorodi disse...

Queridas Colegas,

Compartilho com essa paixão de vocês. Adoro estudar os povos mesopotâmicos, sumérios, fenícios... e percebem a relação que os símbolos tem com a matemática. A história da matemática se mistura com o discurso escrito. Signos tem sentidos, as pessoas interpretam e usam com significados próprios, depois percebem a necessidade de comunicação, da função social, escrever para o outro entender, ler, lembrar, rir, chorar... e as nossas crianças reinventam esse sistema e interagindo com as coisas escritas a sua volta, e vão falando de seus desenhos. Desejam escrever. Querem ser entendidas sem dar muitas explicações. Sou encantada pelos estudos do desenho, dos rabiscos... Assim encontrei em Luria a melhor explicação entre pensamento e linguagem da crianças de 3 a 4 anos. Boas interações e assim as crianças nos fazem aprendentes delas. E isto é lindo!
Bom trabalho! Adorei a postagem pela viagem possibilitada.
Abraços!
Maria do Rocio

leonardo disse...

adorei seu blog. Parabéns. Gostaria de saber como posso adquirir esse material,pois achei super interesante e gostaria de criar algo a partir dele para que as minhas crianças pudesse ter um melhor entendimento de leitura e escrita meu e-mail é neusalma@hotmail.com desde ja agradeçp bjs